Empresa Kosmos dos EUA vai construir novas escolas em São-Tomé

0
558

 

São-Tomé, 31 Ags – ( STP-Press ) –  A petrolífera norte-americana, Kosmos Energy anunciou a construção de três novos centros escolares em diferentes distritos de São-Tomé,- anunciou quarta-feira, o representante da empresa, no final da audiência com primeiro-ministro, Patrice Trovoada, com quem fez o balanço das pesquisas sísmicas visando a descoberta de petróleo no mar são-tomense.

Tendo anunciado “a conclusão dos trabalhos das pesquisas sísmicas” realizadas pela empresa nos blocos 5,6,11 e 12, do mar são-tomense, o representante da Kosmos Energy admitiu a hipótese de se iniciar em 2019 a fase da perfuração dos referidos blocos.

Além de ter anunciado que os próximos nove meses serão destinados ao processo de “análise e interpretação dos dados recolhidos das sísmicas, Andy Inglis, disse que “ se os resultados forem bons, acreditamos que em 2019 nós iremos avançar para a fase seguinte que é a perfuração”.

 

Em termos de contrapartida social para São-Tomé e Príncipe, a Kosmos vai construir para breve construir três novas escolas, designadamente, na cidade de Neves, distrito de Lembá, na cidade de Santana, distrito de Cantagalo e em Monte-Café, distrito de Mezochi bem como a reabilitação da escola de Sá Marçal, distrito da capital de Agua-Grande.

“Acreditamos que dentro de 18 meses teremos esses objectivos cumpridos” disse Andy Inglis, tendo sublinhado que “a Kosmos tem cumprido com as suas obrigações sociais” recordando a doação de duas viaturas ao ministério da educação para transporte de professores, no âmbito dos contratos de partilha de produção.

Fim/RN

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Seu nome