Texto: Ricardo Neto ** Foto: Lourenço da Silva

São-Tomé, 13 Marc ( STP-Press) – O presidente da Assembleia Nacional de Cabo Verde, Jorge Pedro Maurício visitou segunda-feira a Câmara Distrital de Agua-Grande, onde encontrou-se com o presidente desta municipalidade da capital são-tomense, Ekneide Santos, à quem testemunhou a vontade do Estado cabo-verdiano em relançar a cooperação entre municípios dos dois arquipélagos.

“ Os presidentes das Câmaras distritais de São-Tomé e o da Região Autónoma do Príncipe sabem que têm Cabo Verde como grande parceiro seja a nível dos municípios seja a nível das assembleias municipais” disse Jorge Pedro Maurício, tendo sublinhado que “viemos aqui para testemunhar” esta vontade política do  nesta relação a nível do poder local.

Tendo assegurado que os órgãos da soberania de Cabo Verde estão “ todos sintonizados” numa perspectiva do reforço de cooperação municipal por geminações entra as autarquias dos dois Países, o dirigente cabo-verdiano considera o poder local de “muito importante” por estar “mais próximo das pessoas” e de “criar ambiente para atrair investimentos”.

Considerou ainda que o “grande desafio” do poder local em São-Tomé e Príncipe como em Cabo Verde é questão do acesso aos recursos para conseguir por em prática o seu programa de desenvolvimento.

“Prezo muito o poder local de São-Tomé por se encontrar em crescente lutando pela sua autonomia não só administrativa patrimonial, mas também a sua autonomia financeira” – disse Jorge Pedro Maurício que já havia visitado a autarquia da capital são-tomense quando ainda exercia as funções de autarca de um dos municípios de Cabo Verde.

Tendo recebido como oferta um desenho em madeira do cacau são-tomense, o presidente da Assembleia Nacional de Cabo-Verde ofereceu ao presidente do distrito de Agua-Grande, um livro com história da selecção cabo-verdiana de futebol curiosamente no dia do desporto são-tomense, 12 de Março “desportivo”.

Fim/RN

# Pode ouvir Registo Áudio da STP-Press #

Presidente da Assembleia de Cabo-Verde, Jorge Pedro Maurício

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome