Texto: Ancangelo Dendê e Ricardo Neto **Foto: Lorenço da Silva

São-Tomé, 15 Mar ( STP-Press ) –  Alemanha solicitou São Tomé e Príncipe apoio a sua cantidatura ao Conselho de Segurança das Nações Unidas. –  declarou o enviado especial da chanceler alemã, Angela Merkel, o diplomata, Harro Adt que se encontrou quarta-feira com Primeiro-Ministro são-tomense Patrice Trovoada.

No final da audiencia, o enviando especial de Angela Merkel delarou ter oficializado o pedido à São Tomé e Prínque no sentido de apoiar a candidatura de Alemanha a um lugar de membro não‑permanente no Conselho de Segurança das Nações Unidas.

“ Falamos da nossa candidatura ao Conselho de Segunça das Nações Unidas” –  disse o diplomata alemão tendo acrescentado que “falamos também da situação do Conselho e das nossas propostas”.

Além do apoio a candidatura alemã  em eleições previstas para junho de 2018 na Assembleia Geral das Nações Unidas, o diplomata alemão disse também ter abordado a questão de cooperação com São-Tomé e Príncipe, materializado, sobretudo, através da União Europia e da própria Nações Unidas.

A presença do enviado especial alemão a São-Tomé e Príncipe aconteceu no mesmo dia em que Angela Merkel foi eleita, pela quarta-feira, chanceler da Alemanha com votos  da maiora da Bundestag ( Câmara Baixa) alemã.

Com funções de manter a paz e segurança internacional, podendo autorizar intervenção militar para garantir as resoluções, o Conselho de Segurança das Nações Unidas é composto por 15 membros, sendo 10 não permanentes eleitos por dois anos, e cinco membros permanentes, nomeadamente, os Estados Unidos, França, Reio Unidos, Rússia e a China, que gozam do poder de veto.

Fim/AD e RN

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome