Texto: Ricardo Neto **Foto: Lourenço da Silva & InterMamata

São-Tomé, 01 Jun (STP-Press) – O Presidente de São-Tomé e Príncipe, Evaristo Carvalho defendeu hoje por ocasião do 1º de Junho, que “as crianças têm direito ao respeito e a proteção da sociedade e do Estado com vista ao seu desenvolvimento integral”.

O Chefe de Estado são-tomense fez esta declaração esta manhã na escola básica de Água-Izé, distrito de Cantagalo, no acto central das actividades comemorativas ao 1º de Junho, dia Mundial da Criança, acompanhado do ministro da Educação, Olinto Daio e outras individualidades.

“As crianças têm direito ao respeito e a proteção da sociedade e do Estado com vista ao seu desenvolvimento integral”- disse Evaristo de Carvalho tendo sustentado a sua declaração com o artigo 52º da constituição são-tomense.

“ Estas palavras demonstram a nossa preocupação em garantir o acesso ao sistema escolar a todas as crianças a fim de terem uma educação de qualidade”- sublinhou o Presidente

O Chefe de Estado defendeu, por outro lado, que as autoridades competentes devem adoptar medidas no sentido de protegerem os cuidados básicos e necessários ao harmonioso crescimento e desenvolvimento da criança.

Tendo destacado “o papel fundamental” dos pais e encarregados de educação bem como a “política constante de todos dos governos de São Tomé e Príncipe na proteção da criança, o Presidente Evaristo considera 1º de junho um dia de reflexão sobre a situação da criança no País e no mundo.

“Deve ser também um dia em que as entidades do Estado e a sociedade civil questionem sobre as suas ações a favor da proteção das crianças” – acrescentou o Presidente.

Além de Presidente da República, várias outras entidades do Estado fizeram-se representar em diferentes escolas do País com realce para o presidente da Assembleia Nacional, José da Graça Diogo que foi a um centro escolar na Ribeira Afonso, Cantagalo e o primeiro-ministro, Patrice Trovoada que esteve em algumas básicas do distrito de Lobata.

Fim/RN

“Pode ouvir Resgito Áudio da STP-Press”

Declaração do Presidente da República Evaristo Carvalho

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome