São-Tomé, 10 Jul (STP-Press) –  A embaixadora da Nigéria acreditada em São-Tomé e Príncipe, Queen Imaria Worlu morreu na noite de segunda-feira por uma alegada insuficiência cardíaca, soube-se hoje em São-Tomé.

Fontes próximas da vítima disseram que a malograda foi ainda conduzida para assistência no principal centro hospitalar de São Tomé, hospital Ayres de Menezes, mas que o corpo teria já chegado sem vida de acordo com a equipa medica local.

O corpo da malograda foi transladado esta tarde para  Nigéria segundo fontes oficiais na presença de altas entidades públicas e estrangeiras.

O Presidente da Republica de São Tomé e Príncipe, Evaristo Carvalho lamentou desaparecimento físico da embaixadora nigeriana tendo endereçado sentimos de pesar ao seu homólogo nigeriano e a família da vítima

Em Setembro último, Queen Imaria Worlu procedeu a apresentação das suas cartas credenciais ao Presidente da República de São-Tomé e Príncipe, Evaristo Carvalho que a acreditou como embaixadora da Nigéria junto do Estado são-tomense.

Na altura, a diplomata nigeriana defendeu o reforço da cooperação com São Tomé e Príncipe nas áreas de petróleo, turismo, educação e transporte aéreo, dentre outras áreas.

São Tomé e Príncipe e a Nigéria dispõem de uma zona conjunta de exploração de petróleo na base de um tratado assinado em 2001 que estabelece 60 por cento de receitas para os nigerianos e restante 40 para a parte são-tomense.

Fim/RN

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome