São-Tomé, 07 Ag ( STP-Press ) – A ex-líder da autarquia são-tomense de Mezochi, Isabel Domingos apresentou segunda-feira ao vice-director do Departamento chinês de missões diplomáticas, Wang Lutong, as cópias figuradas das Cartas Credenciais que a acreditam como embaixadora de São Tomé e Príncipe na República Popular da China, soube-se hoje de fonte diplomática.

Isabel Domingos teve de afastar-se em Março último das funções de presidente da Câmara distrital de Mezochi na sequência de um decreto do Presidente da República, Evaristo Carvalho que a nomeou para exercer as funções de embaixadora extraordinária e plenipotenciária de São-Tomé e Príncipe na República Popular da China.

Além das funções municipais, Isabel Domingos foi deputada à Assembleia Nacional por bancada do partido ADI (no poder), líder partidária das mulheres “Adistas”, tendo também prestado serviço de docência a nível do ensino secundário são-tomense, dentre outros cargos públicos.

A nomeação da embaixadora são-tomense para China surge em resposta ao reatamento de relações diplomáticas entre os dois Países tendo Pequim reaberto a sua representação diplomática no arquipélago desde de Abril de 2017 sob a liderança do embaixador Wang Wei.

Assinado há pouco menos de um ano em Pequim, o Acordo Geral de Cooperação sino-são tomense estimado em cerca de 146 milhões de dólares abrange os sectores da energia, turismo, saúde, pesca, infraestruturas, agricultura, bem como acordo específicos virados para assistência técnica e formação de quadros

Fim/RN

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome