Por: Ricardo Neto, Jornalista da Agência STP-Press

São-Tomé, 20 Ags ( STP-Press ) – O ministro são-tomense da Educação, Cultura, Ciência e Comunicação, Olinto Daio recebeu veementes elogios dos deputados da oposição, na sessão parlamentar de sexta-feira, por ter conduzido o processo de Reforma do Ensino com “espírito de Estado e envolvimento de todos”,-Soube-se hoje de fonte parlamentar.

“Antes de mais quero felicitar [senhor ministro da Educação] pelo projecto e a forma como o conduziu” – disse Delfim Neves, deputado do PCD, que congratulou-se pela forma como Olinto Daio envolveu os antigos ministros da Educação no processo de alteração da lei de base do sistema de Educação são-tomense.

“ Tentou envolver todos ex-ministros da Educação num pequeno-almoço discutindo o projecto com a sociedade civil” – disse Delfim Neves, sublinhando que “ se todas as reformas que esse governo quis fazer e fez tivesse feito desta maneira não teríamos tantas tremorices e confusões …”

Quem também rasgou elogios ao ministro Olinto foi o deputado Danilson Coutu também do PCD, tendo sublinhado que “ Senhor ministro [da Educação], é uma pessoa de bem e, está de parabéns por isto, por ter deixado claro que se trata de um compromisso do Estado”.

Danilson Couto argumentou que “ a questão da reforma da Educação não pode ser entendida como um compromisso político partidário, é um compromisso do Estado, ele ultrapassa o partido político que estiver na governação”.

Durante a sessão de sexta-feira os deputados aprovaram a nova lei de alteração a lei de base do sistema do ensino com realce para a extensão de 6ª para 9ª classe como ensino de base obrigatório, a pré-escolar obrigatória, orçamento para o sector privado, ensino a distância dentre outras inovações.

Fm/RN

Ouça o Deputado Danilson Coutu, do PCD

Ouça o Deputado Delfim Neves do PCD

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome