Embaixador da China, Wang Wei recebido pelo Ministro da Juventude, Desporto e Empreendedorismo,Vinícius de Pina

Texto: Leonel Mendes ** Foto: Afonso Amaral “InterMama”

São Tomé, 27 de Dez. 2018 (STP-Press) – A República Popular da China pretende dinamizar com São Tomé e Príncipe o intercâmbio juvenil, desportivo e o empreendedorismo jovem.

Este desejo foi manifestado, quarta-feira, pelo Embaixador da República Popular da China, em São Tomé e Príncipe, Wang Wei, a saída do encontro com o ministro da Juventude, Desporto e Empreendedorismo, Vinícius Pina, no seu Ministério, na Marginal 12 de Julho.

“Trocamos ideias dentro dos três pilares do Ministério, nomeadamente, Juventude, Desporto e Empreendedorismo, prevendo uma cooperação no futuro”, revelou Wang Wei.

O Embaixador da República Popular China disse ainda que garantiu ao ministro, “fazer de tudo ao seu alcance para encetar contactos com as instituições homólogas na China”, visando incrementar os laços de cooperação.

Fim/LM

1 COMENTÁRIO

  1. Já começamos a pedinçar, pois que necessário se torna organizar melhor o que temos internamente, como O recintos de jogo, quanto a condições, para prática das várias modalidades do desporto, as condições de segurança e organização, estatudos dos clubes, quanto a gestão, e gestão financeira, elevador as modalidades do desporto de amador a profissional, ajustado a nossa realidade económica como começo e princípio de uma nova era desportiva nacional, associar realização eventos desportivos ao turismo, gastronomia, economia nacional, desportos náuticos, para uma visibilidade internacional, da capacidade organizativa do País(Território/População/Administração).

    Há saber, temos ainda instituições, clubes desportivos fracos, a nível de organização gestão, tanto administrativa, financeira e desportiva, temos campo recintos de jogos futebol andebol, voleibol, etc, etde sem condições de higiene segurança iluminação para prática, desportiva das modalidades, exemplo, campo de futebol sem relvados, sem vedação, sem balneários, sem bancadas, sem vedação do recinto dos jogos, pavilhões desportivos sem cobertura, nem iluminação, etc.

    Tenhamos primeiro a capacidade de nos organizar melhor internamente, antes de pedinçar ao exterior tudo e mais alguma coisa, isso somente mostra-nos a nossa incompetência e reflexos que as nossas instituições são fracos, apesar da nossa dimensão como nação País(Território/População/Administração).

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Seu nome