Ministro da Economia Azul censura utilização indevida de pesticidas que afectam a vida marinha no país

Resultado de imagem para ministro da Economia Azul de São Tomé e Príncipe, Américo Ramos

São Tomé, 17 mai. 2017 (STP-Press) – O ministro da Economia Azul de São Tomé e Príncipe, Américo Ramos, advertiu, terça-feira, para preservação de recursos e da biodiversidade marinha no país.

O governante falava à imprensa, a margem de uma série de conferências inauguradas esta terça-feira, no distrito de Lobata, onde as autoridades em cooperação com PNUD idealizam a sustentabilidade dos “Objectivos de Desenvolvimento do Milénio”.

Ramos, sem indicar sector ou qualquer pessoa, denunciou que utilizam indevidamente pesticidas, que por seu turno desaguam no mar, afectando seriamente a biodiversidade marinha.

A conferência em causa insere-se numa série de iniciativas promovidas pelo Ministério das Finanças, Comércio e da Economia Azul, visando a sensibilização de palaiês e pescadores para a importância dos recursos marinhos.

João Pessoa, Director-geral das Pescas, por seu turno, disse que medidas vão ser viabilizadas para se pôr termo a pesca anárquica no país.O Director-geral das Pescas disse também, que equaciona-se melhorias na qualidade de pescado no país, e para tal, urge adotar medidas de acompanhamento e de preservação de várias espécies de peixe e de outros recursos haliêuticos assim como da vida marinhaem São Tomé e Príncipe.

Fim/MD

 

 

 

  Av. Marginal 12 de Julho – S. Tomé

Cidade de São Tomé – Telefone: n.º (00239) 2 222087 / (00239) 2 2223431- C.P. n.º 12 - E-mail:

© STP-PRESS. Todos os direitos reservados. © - web designer: João Soares

:: Política | Sociedade | Economia | Cultura | Entrevista | Desporto | Quem Somos | Contacto |  Arquivo |  Fórum ::